segunda-feira, 19 de março de 2007

Robertinho de Recife

Ultimamente tenho ouvido mais música instrumental. E volta e meia comento sobre um nome mais que injustiçado, Robertinho de Recife. Esse rapaz que a origem está no sobrenome, carrega um dom sobrenatural nas mãos. Se você nunca ouviu ou viu o cara dedilhando sobre as cordas da guitarra não sabe o que está perdendo.

Robertinho já tocou com vários músicos famosos, em bandas fora do país e diversos ritmos diferentes, de música infantil a heavy metal.

Me lembro que estava vendo um dos programas de música que existiam nos anos 80, e a matéria era sobre a premiação do melhor guitarrista do mundo (ou era do ano). Não lembro se o vitorioso era Steve Vai ou Steve Ray Vaughan. O que importa é que o pessoal foi lá na casa do cara entregar o premio, já que ele não foi pegar o troféu. Por esse comportamento e pelo que vou falar adiante, acho que era o Steve Ray Vaughan mesmo.

Sabe aquelas cenas... Toda a equipe de TV chega de surpresa na casa do cara... E sabe lá Deus como tem um cinegrafista filmando de dentro para fora (Nossa! Que surpresa!).
Pois o maluco aprontou uma, no lugar de se abraçar com o troféu, e agradecer, ele se vira para as câmeras e diz:

_ Eu, o melhor do mundo? Vocês estão loucos!
_ O melhor do mundo é um cara que estou escutando agora (Ele sai por dentro da casa atrás de algo)
_ Olha ai, esse cara é o melhor guitarrista do mundo!

Ele mostra a capa de um LP do Robertinho do Recife.
Peço desculpas por não me lembrar detalhes desse momento, já que foi algo que eu também não esperava, além disso minha memória é curtíssima, e esse “causo” tem no mínimo 20 anos passados.

Graças a internet, descobri que alguns fãs estão publicando vídeos do Robertinho no Youtube, e nada mais justo que dividir isso com novos e antigos adoradores do som do melhor guitarrista do mundo.

PS: Se alguém tiver mais informações sobre essa entrevista do tempo do meu avó, por favor me relembre mais detalhes.

Não, não é o The Cure. Não é Eduard mãos de tesoura...


Você achou que eu estava brincando? Olha o cara ai:


Ainda não está convencido?
Postar um comentário