domingo, 22 de julho de 2007

Viva a Anarquia!



























Tem um livro que estou louco para comprar, “Contra Cultura Através dos tempos”. Para quem não sabe, sou anarquista-pós-moderno-capitalista-moderado-humanista, e os poucos trechos que li desse livro me empolgaram.

Atrás de mais curiosidades sobre o livro acabei achando um blog que já entrou na lista dos “blogs legais”. Uma pá de malucos [ou quem sabe um só] fundou essa ilha de anarco-pseudo-histórias... O riso correu solto vendo esse texto.



























Recentemente assisti o maravilhoso “O Mundo de Andy”. Andy Kaufman era um comediante estadunidense [ninguém mais chama de americano, agora é estadunidense] totalmente anarquista, provocador e com certeza tinha sua cota de loucura, criativa é claro.


















Claro que para acompanhar esse meu post tinha que estar ouvindo algo compatível. Está rolando o disco The Passion of Cover: A Tribute to Bauhaus. Comentário? É du caralho!

Finalizando… Toda vez que falo em anarquia me vem à cabeça esse textículo:

“ O homem racional adapta-se ao mundo, o irracional persiste em adaptar o mundo a si. Portanto, todo o progresso depende do homem irracional ”. Bernard Shaw.
Postar um comentário