sábado, 7 de abril de 2007

IBM, Governantes, Recife e as Negonas de Cabelo Liso (3/4)


Recife, Recifilis ou Hellcife?

Isso de jogar a sujeira debaixo do tapete não é exclusividade dos governantes e administradores (públicos ou privados). A própria população tem participação no movimento “Vamos todos ficar cegos”. Outro dia no Orkut achei um tópico na comunidade Recife com o titulo: Decepcionada. Uma turista tentou descrever os problemas da capital pernambucana. Como o Orkut se tornou pop, e pop é TV aberta (onde entra todo tipo de pessoa), da para imaginar o barraco que rolou em espaço onde qualquer um pode falar o que der na telha.

A reação dos Recifenses foi imediata:

_ Sua meleca não tá a altura do povo do Recife,vai embora querido!
_Isso é inveja de sulista!
_ Tá falando de Recife vai a Salvador!

E tem coisas meigas, como foi escrito por uma garota:

Maria Cláudia...
Faz um favorzinho amor...
Você e todos esses Recifenses imerecedores!
Vão se fuder!!!

Em um estado que Lula foi eleito com mais de 70% de dedadas na urna eletrônica não podíamos esperar nada melhor.

O bairrismo ajuda a alimentar muita gente que ganha em cima da má administração. O caso mais recente de pernambucanos ofendidos resultou em um voto de repúdio ao jornalista Alex Gutemberg, que andou falando umas verdades sobre o Nordeste, como verdade é algo que não é muito bem vindo por nossas terras...

Agora eu fiquei curioso! Com uma nota de repúdio da câmara municipal do Recife esse jornalista sofre o que? Fica 3 dias sem defecar? Pode morrer de um ataque de riso?
Com o tempo que os vereadores gastaram com essa besteira poderiam ter assinado outro documento asfaltando uma rua ou discutindo sobre segurança, mas isso não vira notícia em jornais.

Essa foto ai no topo é de um dos símbolos da cidade... Uma pirôca gigante, e note que ainda tem muitos espinhos para você contribuinte sentir bem no seu fiofó. O dono da obrada? Francisco Brennand, que junto com Carlos Wilson estão envolvidos com outras artes.
Postar um comentário