quinta-feira, 21 de fevereiro de 2008

Love, Family and... (Forget it...)


























































































































































































Todas as imagens são do site Dark Roasted Blend, faz parte da série Love, Romance & Joy of Parenting.

Para mim, essa ultima foto é a mais intrigante...

Me lembrou um filme indicado pelo meu amigo Pablo
(Eita! melhor dar um nome falso... mas agora já foi :P)
[Nem preciso falar que tem que ter mais de 18 anos e estômago forte]

Sexual Parasite: Killer Pussy
















Outra dica do Pablito (É, viadagem mesmo... Ele me chama de Marquito, então vou chama-lo de Pablito - Isso dá um ótimo nome de salgadinho de pobre!) é um filme de porrada. Chama-se Chocolate.
What's porra is that?
Explico, o nome vem da protagonista, uma menina autista que além de bater em todo mundo é viciada em chocolate. Putz, ela bate mesmo (Olha a mente suja ai rapa!), e apanha também, tudo de verdade O.o

Chocolate



É do diretor Prachya Pinkaew, o mesmo de Ong-Bak, aquele com Tony Jaa!
Você não viu Ong-Bak? Não sabe quem é Tony Jaa?
Meu "fio" então você nunca viu um filme de porrada!
IIIIIiiiiiAAAAaaaaaaahhhhh!!!!

Finalizo esse post que mudará a vida de várias pessoas (antes de me chamar de débil, uns 3 que caíram aqui por acidente desligaram a tela revoltados e foram fazer algo útil na vida...). Uma delas foi atingida por uma cagada de passarinho. Um outro foi para o chuveiro na hora que um poddle toy atravessou a rua e fez um motorista desviar, atropelando 20 pessoas com seu caminhão de cloro anidro, que vazou e matou mais 39 suburbanos... Na batida um poste caiu e a rede de alta tensão entrou em curto, o leitor que me chamou de débil virou churrasco no seu chuveiro Lorenzet. O terceiro... Bem, o terceiro é você que leu até aqui...

E vou confessar, deu tempo (enquanto escrevia) de escutar quase o disco inteiro do My Bloddy Valentine... Que cacofonia, que coisa linda... Ah anos 90 que não voltam mais!
Você ainda tá ai?
Postar um comentário